15 de dezembro de 2015


Deixe estar,

Aos poucos curei minha dor. Depois tratei de enfrentar meus medos, desprender do que me prendia. Dessintonizar. Topei com meus sonhos, fiz minha correria. E ignorei o que queria, mesmo com as melhores intenções, me atrasar. Não tenho tempo, sempre dizia, para todos que diziam querer me amar. Não quero ser amada. Meu coração está seguro.

Cansei de corresponder às expectativas. Parei de me cobrar o que nunca cheguei a dever. Coragem sempre disseram que tenho e que isso era problema. Meu jeito sonhador e exagero de otimismo sempre assustou quem muito me quis bem. Mas a verdade é que sempre fui um passarinho preso em uma gaiola.

Sempre soube que tinha asas. Aos poucos me permiti voar.

E nesses voos arriscados, eu senti muito medo. Mas há uma força dentro de mim que não me deixa parar. Por ela eu avanço cada minuto do meu dia, eu sorrio para quem me vê na rua, eu não jogo o lixo no chão e sempre falo bom dia. Não quero ser boa moça. Só quero ser justa comigo e com o mundo. Ainda que ele nem sempre seja justo. Ainda que nem sempre consiga voar. Eu preciso manter minha fé e minha chama, só assim permanecerei viva.

Que sorte a nossa ou é Deus ao nosso lado... Sempre caio em bons ninhos. Em gratidão eu aceito tudo o que me faz bem, tudo o que me faz sorrir. Se um dia eu estiver errada, nunca prometi ser perfeita... Não acho injusto querer ser feliz por si só. Nem todos confiam na minha responsabilidade, isso é porque projetam em mim suas frustrações e ambições. Eu lamento decepcionar... Tenho responsabilidade por mim, pelo que faço, pelo que sinto, pelo que penso, pelo que digo. Não sou vítima, também não sou réu.

Fiz um pacto comigo. Escreverei minha história de perdão e gratificação. Com calma, com paz e com desejo de viver. Um eterno entardecer, cheio de ternura e aptidão. 

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

3 comentários:

  1. texto bem bonito e profundo. Curti a sua visão a respeito do futuro...

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ser a gente sem perder aquela essência. Parabéns, esta no caminho certo.
    Adorei seu texto...
    Um abraço,
    http://juliet-in-crisis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)