6 de janeiro de 2015


Descobri um fato interessante sobre as rosas: nos enjoamos delas. Não notamos porque elas morrem antes de nos enjoarmos. Mas basta comprar uma rosa de plástico, que no começo é graça e depois um borrão que atrapalha a visão. Assim soube porque as rosas morrem tão cedo: elas temem a rejeição.

Eu sempre achei esse fato de morrer meio corajoso. Eu não tenho coragem de morrer, assim, do nada.

Coisas aleatórias eu descobri. Que às vezes a tristeza é cansaço, ou o cansaço seja preguiça, e às vezes a falta de simpatia também. Descobri que é difícil manter o sorriso no ônibus, todos os dias. Difícil manter os olhos abertos, a espinha ereta, a mente quieta (o coração tranquilo).

Ando me identificando com as rosas.

Um problema de escrever é querer protagonizar uma boa história. É colocar personagens nela e piscar os olhos, sumiu. Às vezes me chateio com isso que chamamos de destino. Ele atropela minhas linhas, borra meu texto e enfeita demais onde eu só queria deixar em branco.

Aquele adeus que eu dei um monte de vezes, até desistir mais por falta de paciência do que cansaço. Sozinha eu pensei muito que não sirvo pra essa coisa de aceitar e aprender. Talvez por teimosia. Eu só quero que tudo seja diferente, e decido por mim mesma, dane-se.

Certa vez eu escrevi dois destinos diferentes: eu tracei um final e também tracei um reencontro. Os dois aconteceram, porque findamos e doemos por um tempo, e anteontem tomamos suco na lanchonete como bons amigos. Pra refletir a gente não escreve as coisas direito. Mas eu me conformei e as coisas foram bem. Sei que a pessoa que eu era sente um pouco de decepção por sermos apenas bons amigos, a pessoa que eu sou sabe que é melhor, e estou bem assim.

E eu tava reclamando com ele tudo que doeu agora, com outra história que escrevi e tive que findar, como se a gente não soubesse o fim da história, como tantos outros que vivi e me lembro até hoje e acho que sinto falta porque meu coração não cansa e não sossega. Talvez como boa escritora eu precisasse de boas aventuras, como Vinicius de Moraes escritor do encantador Soneto de Fidelidade mas que casou nove vezes. Ele também ensinou como viver um grande amor, mas pergunte só que amor tão grande ele viveu.

Uma paixão poética, Leminski e Alice, Mallu e Marcelo, Zélia Gattai e Jorge Amado. Porque talvez quem lê poesia também seja um pouco poeta. E quem ama um poeta precisa de muito peito, pra caber tanto detalhe, tanta coisinha.

Escrever muitas vezes é calar, pode ser com bobeiras como agora fiz, seja escrevendo juras de amor ou fantasias, ou até mesmo um artigo ou documento, escrever é um ato de silêncio. E ainda acho que poucas pessoas estejam dispostas a ouvir o que está por trás do silêncio, nas entrelinhas. Muitas vezes é desinteressante. É um desabafo e não é polêmico, nem bonito. Só é simples, mas é um grito. Dói um pouco a cabeça às vezes, não sei. Aprendi por aí, não exatamente sozinha, mas acho que me sentindo sozinha, porque no fim eu tive que escrever besteiras, tudo que não achei ouvido pra contar. Olha lá nem é poético.
O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

18 comentários:

  1. Que texto lindo moça <3

    http://liberte-sua-imaginacao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Você têm uma tecnica maravilhosa de escrita sabia? aquela parte das roas eu vou até guardar como quote favorita

    http://gotasdecaffe.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/GotasdeCafeblog

    ResponderExcluir
  3. Que lindo texto, me identifiquei bastante e acredite também não tenho coragem de morrer
    Beijos

    Blog Segredos da Cáh
    Instagram
    Facebook
    Canal do You Tube

    ResponderExcluir
  4. "E quem ama um poeta precisa de muito peito, pra caber tanto detalhe, tanta coisinha". Coisa mais linda Suzana. ♥ ♥ ♥

    ResponderExcluir
  5. Oi Su...tb me identifico bastante com as rosa... Desde o pequeno príncipe....
    Mto bom o post... Algumas coisas aprendemos assim mesmo....ngmcaprende por nós....
    Bjos
    JuJu

    ResponderExcluir
  6. Palavras vindas do coração sempre são carregadas de sentimento e emoção. Adorei e me emocionei com suas palavras. Acho que as vezes me sinto como você :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Escreva juras de amor, promessas de casamento, anuncio de felicidades, notícia de novo amor, mas escreva dxa esta delicia da inventividade e da magia transbordar para nosso deleite, seus leitores e receba do tio Castanha bjinhos e bjinhossssssssssssssss

    ResponderExcluir
  8. Excelente 2015 flor!
    bjs
    http://www.pinkbelezura.com/

    ResponderExcluir
  9. O sentimento que mais eis imerso sempre flerta com o seu inverso.
    GK

    ResponderExcluir
  10. Que lindo! Amei a parte das rosas...
    Você escreve super bem, parabéns!
    Beijos!
    islary34.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
  12. Quanta sabedoria para uma jovem.

    Admiro-te e voltarei.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Eu amo Poemas são os detalhes que os fazem lindos só muito peito mesmo pra caber como você disse !
    Lindo testo ! Você escreve Maravilhosamente !
    Beijos ♥ O Melhor de Mim

    ResponderExcluir
  14. Muito bonito o texto como todos os outros que voce escreve ♥
    A parte que voce citou sobre as rosas ficou tão perfeita :3

    Beijos
    Fanpage | Instagram
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  15. Você escreve com uma maestria de poeta. Lindo texto, lida colocação.
    Beijos
    http://desconstruindoocaos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)