8 de dezembro de 2014


Talvez esse seja o texto que eu realmente queira escrever depois de alguns meses.

Andamos pelas ruas, muitas vezes perdidos, mas no coração também existe uma estrada, onde todos os sentimentos percorrem, deixando pegadas, marcas, cheiros, edifícios. Os caminhos que percorremos nos completam aos poucos, em uma beleza nítida, porém muitas vezes também confusa, difíceis de compreender, tão pouco aceitar.

Sentimentos não são aventuras, apesar de às vezes o dia navegar por águas perturbadas, batendo para lá de uma eternidade para cá, acalmando-se. Não são objetos pelos quais pode-se desfazer-se, alegando defeito, inutilidade ou fim. Não são razões que podemos tomar para si ou abster-se quando achamos politicamente corretas.

Mas os caminhos materiais, eles sim, se cruzam, se acabam, se chocam, se curam, se tocam. Impossível comprazer a todos envolvidos. Os caminhos, apesar de sempre se chocarem, são traçados antes no coração, individualmente. Muitas vezes nós, querendo agarrar-se a tudo que é belo e simpático, nos prendemos a coisas que não são nossas, engaiolamos coisas belas que ficam presas, lamentando-se de dentro para fora de nós, destruindo-se de fora para dentro, gradativamente.

Mas uma hora essas coisas, que não são nossas, precisam ser despidas, às vezes são bruscamente, às vezes lentamente, sendo impossível evitar suas respectivas dores, sendo impossível deixar de sentir a realidade da vida. Às vezes é alguém que parte, às vezes um amor que não se compreendeu, às vezes um coração que se partiu, uma esperança que se acabou. Todas essas coisas fazem parte da vida para aprendermos cada vez mais a não acumularmos nossas riquezas, e sim valorizarmos as coisas mais difíceis de achegarmos, manter-se perto.

Contudo temos um caminho individual no coração, aonde tudo é eterno e, sendo capaz de perdoar, pode também ser perfeito. E infelizmente, para nosso coração ingrato, isso é tudo que nos foi dado.

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

5 comentários:

  1. Fala sério que foi você quem escreveu esse texto inspirador?
    Obrigada por me descrever essa noite, já favoritei seu blog, e por favor, poste mais! Amo ler, e hoje tocou em meus sentimentos, refleti um pouco sobre eles, obrigada mesmo!!

    http://lauramarcelamakeup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. O único caminho certo é o que de nós mesmos nos leva a perto.
    GK

    ResponderExcluir
  3. As pegadas que deixamos nas estradas dos coração são as que mais deixam marcas...

    bjokas =)

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)