3 de junho de 2014

felicidade

Toda a alegria que a gente sente, geralmente, a gente sabe que é alegria. Diferente da tristeza, do desespero, aflição, que a gente engole seco e demora pra encontrar uma palavra para significar, sempre alguém consegue dizer, assim, de cara: to alegre. "Que alegria!", quando a gente sorri, mesmo não sendo feliz, é um momento de alegria, é fácil perceber. Mas quando o coração sorri, acalma, do fundo da alma... Não sei nem o que dizer.

Meu coração sorri e eu nem lembro mais qual foi a ultima vez que ele sorriu tão sincero, sem vontade de chorar.

E agora? Agora eu vivo e sinto medo. Que uma felicidade incomum é tão difícil de proteger... Que a idade às vezes parece querer me fazer esquecer... A expectativa de vidro rachando... Que a vida toma um rumo feito pra acabar a rima, acabar a graça e a vida acabar pouco a pouco...

Felicidade incomum que o jornal insiste em deter, as pessoas insistem em se opor, os grandes pisam quase sem perceber... Vai moldando sem querer...

Torna-se comum. Alegria. 

Não critiquem quando eu me trancar no meu próprio mundo. Mas a chuva passando, o sol nascendo pra mim, em um sorriso sem graça... Logo dá pra ver, que o comum existe só para o incomum se destacar, assim, mais bonito.

Vida!

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

9 comentários:

  1. Ola Suzana, adoro ler seus textos, lindo esse, adorei quando você escreveu que o comum só extiste para o incomum se destacar, super concordo, e nunca tinha parado pra pensar assim, beijinhooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não, saiu no texto e agora sempre lembro disso rs :3

      Excluir
  2. :/ sabe achei meio sentido figurado no texto... acho que a alegria é coisa simples so o motivo de estarmos vivos... já a tristeza é provocado normalmente por outra pessoas (pelo menos pra mim)

    http://quaseadolescent3.blogspot.com.br/
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tanto a alegria e tristeza tem diversos motivos... Por exemplo a alegria também pode ser provocada por outras pessoas, assim como a tristeza então não é justo atribuir uma coisa a outra! Tudo depende do momento que vives!

      Excluir
  3. Quase sempre é exceção o que deveria ser a regra.
    GK

    ResponderExcluir
  4. é autoria sua?
    diz que vc já escreveu um livro e se escreveu eu quero, vc tem um jeito incrivel de escrever e descrever tal como mtas vezes nos sentimos para com a vida.
    adorei mesmo.
    adorei seu blog e já estou seguindo.
    http://chooreiglitter.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/chooreiglitter

    ResponderExcluir
  5. Sem comentários serio ... So to falando isso para vc saber que eu não sei realmente o que falar . Muito bom,
    www.ourblackpen.blogspot.com ~ Nakagami ~

    ResponderExcluir
  6. É sim! Muito obrigada!! Nunca escrevi um livro, tenho vontade rs ^-^

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)