8 de junho de 2014

Pronto para embarcar em um clássico da literatura mundial?


H. G. Wells
Autor: Herbet Geoger Wells | Editora: Alfaguara | Nº de pág: 145

livroA Máquina do Tempo: a mais espantosa das invenções, capaz de levar seu 
criador a uma viagem surpreendente através de milhares de anos de transformações sobre a Terra. Novos seres ocupando a superfície e as entranhas do planeta, vivendo numa incrível civilização do futuro, onde a luta pela vida é implacável. O final dos tempos e a agonia do sistema solar com o colapso de nossa estrela, prestes a explodir.

Uma história de aventura e emoções inimagináveis, esta obra também é uma reflexão sobre os valores de nossa sociedade e sobre o mundo que construímos hoje. (fonte)

"Creio que um suicida, ao encostar na testa uma pistola, sente a mesma curiosidade que eu experimentei naquele instante: o que iria acontecer em seguida?"

Uma aventura envolvente e reflexiva.

A Máquina do tempo faz o tipo de história em que um pesquisador maluco constrói uma máquina do tempo, sem explicações (o que é totalmente aceitável) e viaja no tempo, desprovido de bons argumentos científicos, o autor literalmente viaja junto com a sua história, o que não importa, não tira o interesse da história, melhora ainda, é uma obra corajosa e desafiadora.

Quando menos esperava eu estava junto com o viajante em sua louca ideia, tudo porque o autor detalha de forma incrível cada um dos momentos mais espetaculares. Chegamos ao mundo do futuro cheios de expectativas, cheios de clichês: a sociedade revolucionada, inteligente, dominada por robôs e etc. Mas esse não é um livro do século XXI, é um livro de 1895, século XIX. Um pensamento diferente, em que nem se sabiam o que nosso século viveria. De qualquer forma, embarcamos para centenas de séculos a frente, um mundo totalmente diferente, aonde esse clichê é acabado e nos chocamos com outra ideia.

Uma sociedade desprovida de necessidade de aprendizado, de preocupações, o que leva a uma "evolução" da espécie denominada Eloi, pelo qual as pessoas não buscam conhecimentos, não tem criatividade e possuem um corpo frágil, porém vivem bem. Essa revelação, apesar de assustadora, não é "nada mal", até as reviravoltas, onde encontramos uma segunda classe da espécie, os Morlocks, selvagens que vivem no subsolo.

A partir daí o autor nos apresenta um mundo que a principio parecia um ideal socialista que deu certo, e que agora é uma tragédia do capitalismo. Embarcar nessa aventura não foi apenas incrível, como também deixou-me a refletir. 

Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ / 5 - | Leitura fácil/média

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

21 comentários:

  1. Muito legal! Já faz um bom tempo que li, mas jamais me esqueci...
    GK

    ResponderExcluir
  2. Você ler cerca de quantos livros anualmente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ano passado eu li 30 livros. Esse ano pretendo ler no mínimo 40 :3

      Excluir
  3. Uma bela e inteligente escolha, um filme leve, descomprometido com o natural, adorei sua sintese, um mimo, achoq a guria merece beijinhos e beijinhossssssssssss

    ResponderExcluir
  4. Que interessante! Gostei!
    Beijos, boa semana :)

    ResponderExcluir
  5. Adorei!
    Pelo que eu li, eu iria gosta da leitura, eu gosto de histórias assim.
    Beijos!
    islary34.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Eu já li esse livro ♥

    http://sonhando-porai.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu já conhecia a adaptação cinematográfica (que é bem mais recente). Quando conheci não vi muito sobre o livro. Mas sua resenha me deixou com vontade de ler hehe Ultimamente estou fissurada em livros/filmes/séries relacionados a viagem no tempo (Doctor Who tem uma grande influência sobre isso haha). Acho que é um tema fascinante. Enfim, beijão, Suzana! <3

    www.garotasdemustache.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é um tema fascinante! Eu já pensava isso, mas o livro me despertou ainda mais o interesse. Dizem que a adaptação cinematográfica ficou tão bom quanto (ou até melhor) que o livro, mas eu ainda não vi.

      Excluir
  8. Tenho esse livro aqui em casa,o meu colégio quem deu,e por um preconceito meu (de livros dados pela escola) eu não li ele até hoje rs
    Más pela sua resenha,o livro parece ser bem legal.
    Beijos Blog Hora do Chá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha eu também ganhei ele da escola! O preconceito sempre rola, eu só li ele quando não tinha outra alternativa. Mas não é que surpreendeu? Vale a pena! :)

      Excluir
  9. Oiee.

    Não conhecia o livro, mas por sua resenha ele me pareceu bem interessante e vou amotar a dica aqui.

    Beijos Fê :*
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oie flor,
    nunca li esse livro,
    parece ser bem bacana!

    beijinhos

    http://feminicescorderosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. O meu 1º vício sempre foi a leitura, tenho um gosto bem eclético. Adoro ler resenhas e sugestões, achei interessante ver o que é só ameaça futura como realidade.

    Bjos,

    Mony
    Um blog sobre esmaltes

    ResponderExcluir
  12. Lindaa a cor ^^
    beijos

    blog: http://manguitarosa.blogspot.com.br/
    instagram: @ceciilins

    ResponderExcluir
  13. Fiquei extremamente curiosa! Linda resenha e muito bem escrita, Suz! AMEI!
    Beijinhos ♥
    http://www.momentosassim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ellen! Um elogio desse de uma resenhista com você me deixou até mais animada de arriscar a escrever mais resenhas!

      Agradeço a todos <3

      Excluir
  14. Hah esse será o próximo livro que postarei resenha (já fiz xD) do meu Book Challenge! Eu gostei bastante do livro, principalmente do 'fundo' político!

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    P.S - Tem Maratona de Dia dos Namorados no blog! Participe para tentar ganhar 3 dvds <3

    ResponderExcluir
  15. Oi oi Suzana!! Gostei imenso desta tua resenha,até me deu vontade de ler tambem,mas eu tenho imensos livros para ler neste momento e,por enquanto,não vai dar para ler esse que tu falas!! Ando a ler as palavras que nunca te direi de nicholas sparks,super aconselho,é bastante romântico!! Muitos beijinhos e muito obrigada pela visita que me fizeste lá no meu blogue,volta sempre que quiseres!! mundomusicaldacarolina.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  16. Nunca tinha ouvido falar desse clássico e acho que vai entrar na minha lista para ler no mês de julho. Fiquei bem curiosa para saber da luta entre os Elois e os Morlocks! Até mais, Suzana! ;)
    Blog Maia Vox

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)