19 de dezembro de 2013


Existem 7 bilhões de pessoas no mundo, se não me engano. Mas não me importa tanto também. Eu nunca quis saber de 7 bilhões. Pessoas não anulam solidão, talvez por boa parte delas também serem solitárias. Ou apenas eu, que moldei meu próprio mundo (ou muros), aonde estivesse sempre fechado pra visitação. Me perdi? Pode ser que sim. Não sei. Sei que sempre me julgam mais pelas minhas palavras do que pelas atitudes. Sei lá, a única coisa que faço é sorrir, né? E depois escrever que todo riso nem era tudo isso. Não... Desculpe, eu não quis dizer que não era feliz...

Eu não quis dizer nada de... Tudo isso.

Acho que nunca conheci ninguém de verdade. Na verdade, nem sei se me conheço bem. Se eu apenas me calasse menos... Pra mim mesma... Esqueci de mim! Esqueci qual foto postei ontem no facebook, esqueci das mil coisas que anotei pra não esquecer. Esquecer é perder? É que tenho um pouco de medo de perder... E também tenho medo de todos os outros males da vida... Às vezes eles todos se juntam pra me assombrar... Eu sei que se eu levantar a cabeça e olhar pra frente eles saem. Mas a cada passo eu me encolho, abraço os joelhos... E enfim eles voltam. E me prendem.

Dói um pouquinho. Dá um nó no estomago.


Eu invento um jeito de fugir. Escrever, ouvir música alta, ler poesia. Chorar. Porque às vezes chorar também é ser forte. Ou é só o meu jeito de ser forte. E ser quietinha. Porque nem sempre dá só pra sorrir e olhar pra tanta sujeira. Tem que limpar um pouquinho pra manter puro o coração. E isso tudo parece absurdo pra um século que vivemos, mas realmente houve algum tempo que não fosse absurdo? Eu pensei que o mundo era uma batida forte e rápida no violão. Só que daí eu aprendi a dedilhar. E preferi assim. Só que até agora acho que eu não estava errada. 

Será que é tão errado assim? 

Tá tudo errado. Não era nem pra ter escrito isso aqui. Porque qualquer texto meu que escrevo é meio incompleto... Interprete isso da maneira que quiser. Eu deixo por não saber escrever direito. Quero dizer, não ser tão explícita mesmo tentando ser o mais simples possível. Eu não sou tão difícil. Mas é difícil ser eu. Quer saber? Esquece aquele papo de não ligar para 7 bilhões. Eu poderia escrever 7 bilhões de palavras e não chegaria a lugar nenhum e nem a ninguém. Por isso odeio números. 

Mas odeio é uma palavra muito forte. Eu não quis dizer isso.

Mas o que é a vida? Além de uma louca comunicação de egos, superegos e id's, um conflito interno, uma dúvida eterna... Até que fim com reticências...

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: ,

57 comentários:

  1. muito bom o texto, etsva ouvindo seu cover de Raul Seixas, vc canta muito bem. bjus

    http://anavidadeestilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. :') me fez querer chorar, alguns males vem me assombrando recentemente!
    http://qualquerinfinito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Me identifiquei com muitas partes! *----* Você é ótima, menina!

    juliamodelodemodelo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Mas que profundidade hein? kk'
    Adorei cada palavra meio que sem sentido que postou. No fim, fez muito sentido pra mim..

    Beijos,
    posrealidade.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Verdade, nem sempre dá para sorrir.
    Perfeito esse texto. ;)

    ResponderExcluir
  6. O} que você acha que é incompleto eu vejo como espaço para que eu possa preencher com a minha parte. Sinceramente acho que o texto só se torna completo quando alcança alguém e quando esse alguém complementa ele.
    Adorei seu texto, ele chega a mim, ele fala comigo. Então ignora as probabilidades e a matematica, vc já chegou em uma pessoa!^^

    ResponderExcluir
  7. Caramba Suzana, eu adorei!!! Me identifico muito com seus textos. Me vi aí descrita. Não se preocupe, sei que todos entenderão a lógica do texto, e sei que muitos se identificarão também. *-*

    ResponderExcluir
  8. Que lindo, tava vendo seu cover de novo, linda ><

    http://tudodiferentecomsamaralima.blogspot.com.br/
    Instagram: @samaralima_03
    Twitter: @SamaraL33

    Big beijos! *-*

    ResponderExcluir
  9. Que lindo texto, mesmo!! Super profundo! Parabéns!

    Beijos
    Fashion Victim

    ResponderExcluir
  10. Uouuuuu que texto! Te desejo muita inspiração menina Suzana. Voltarei sempre.

    Bjs.
    in-lovegirls.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Menina você canta muuuito ♥

    http://sonhando-porai.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Todo nós tem momentos assim, me identifiquei um pouco com o texto.
    Beijos!
    www.mahmaquiagens.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu achei meio sem pé nem cabeça pro fim de ano..
    Acho que em vez de perguntas e questionamentos podia ser um momento de felicidade.. rs

    http://pamlepletier.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Como não se sentir não só leitor, mas como se tivesse um espelho em nossa frente ao ler isso, boa parte do texto, me fez senti, me fez perceber o quanto a eu também no texto.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Adorei Su, você escreve super bem e escreve o que a gente sente!
    Beijo no bolso!
    Tô Barata, mas tô na moda! | Facebook | Twitter

    ResponderExcluir
  16. Que lindo o texto. Adorei essas suas fotos, muito fofas! ;)
    beijinhos,

    www.soentreamigas15.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Que inspirador. É como você disse todos os fins tem reticências.

    Parabéns.

    Pura verdade essa frase: "mas realmente houve algum tempo que não fosse absurdo?"

    ResponderExcluir
  18. Nossa, voce escreve muito bem *---*
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Nossa super me identifiquei, de verdade. Adorei a parte que você citou o Ego, Superego e ID, do Freud né? Juro que vi uma camiseta assim esses dias, e super me lembrarei de você a cada dia que ver agora <3 De verdade, você é muito profunda, o texto ficou ótimo!

    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha pois é, citei pra exemplificar o conflito interno do ser humano. Curtiu? *-* Obrigada pelo comentário ♥

      Excluir
  20. ai, que menina cheia de complicações! hehe!
    As vezes "filosofar" só faz a gente ficar mais confuso. Então prefiro nem pensar muito, só viver. Ah e realmente a gente não se conhece, isso não é uma questão, é um fato ;)

    Muito obrigada por comentar no meu blog!
    Sempre que atualizar me mande um recado no meu blog, que virei aqui comentar! Fica mais fácil para eu não esquecer e sempre estar aqui mantendo contato! ;)

    Beeeijooos, @re_becah

    blogdareh.com.br

    youtube.com/blogdareh

    facebook.com/blogdareh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Filosofar é não se conformar com a situação que vivemos. Se não existisse a filosofia, o amor ao saber, todos seríamos marionetes de poderes maiores, sejam eles governo, religião ou qualquer outro! Por isso lhe digo, não despreze um trabalho ou pensamento filosófico.
      Não há nada no mundo que não possa ser questionado! :)

      Excluir
  21. Oi, Suzana!
    Amei seu texto... parece uma breve história da minha própria vida.
    Você tem um baita talento, sabia??

    Beijos

    www.meumeiodevaneio.com.br

    ResponderExcluir
  22. Suzana, seu textos são ótimos, e mostram o quanto dedicada e preparada você é. Parabéns.

    ACESSO PERMITIDO: Aprisionados.
    http://acessopermitidoblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Texto ótimo, Suzana.
    Profundo.
    Acho todo mundo se identificou um pouco com ele.
    Beijos <3

    P.S: Adorei o cover do Raul.

    ResponderExcluir
  24. Adoro teus textos... acho que é isso aí, ter a sua noção como indivíduo neste mundo acarreta um pouco de solidão ... Assumir seu Eu é assumir sua solidão perante o mundo. Suzana, continue escrevendo, cantando e chorando... só não deixe os muros que vc levantou impedir vc de ver o mundo.

    Beijãoooo e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você entendeu perfeitamente Rô! Muito obrigada pelo apoio ♥

      Excluir
  25. Me lembrei do livro a culpa é das estrelas.. você que escreveu? lindo.. *-* s2

    ResponderExcluir
  26. Gostei muito tbm toco e sou apaixonada com música ( música de verdade) rs

    echarperosa.com

    ResponderExcluir
  27. Sei como é escrever e não entender direito, mas somos assim diferentes é difícil saber expressar o que sentimos pois mudamos constantimente! Te espero no meu blog! Beijos ^_^ Blog: Desvendando segredos

    ResponderExcluir
  28. Nossa, emocionante! Me identifiquei em várias partes. Amei mesmo!

    ResponderExcluir
  29. Adorei o post, principalmente no final quando você cita "Mas o que é a vida? Além de uma louca comunicação de egos, superegos e id's, um conflito interno, uma dúvida eterna... Até que fim com reticências..."

    plumasepaets.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  30. Suzana, parabéns pelo texto e pelo blog. Me identifiquei, assim como muitas pessoas também irão. Você canta e toca bem, já me inscrevi no seu canal. Aliás, põe um pouco da sua dor nisso, garanto que ajuda! <3
    Beijão!
    http://destemidagarota.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. Bem bacana o texto, adorei!
    Bjs
    janamakesesmaltesecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  32. Muito bom!
    ◕‿◕
    pinkbjs
    http://pinkbelezura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Sempre me sinto assim quando escrevo algo, como se estivesse incompleto e eu não conseguisse me expressar tão bem :( Mas isso me lembra aquela frase do Carpinejar: Fazer as coisas pela metade é a minha maneira de terminá-las <3 Me identifico tanto!


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  34. Sei como é isso, ás vezes me sinto assim confusa e triste, a única
    coisa que faço é chorar.
    Beijos!
    islary34.blogspot.com

    ResponderExcluir
  35. amei as fotos *-* e o texto tbm...

    Bjuuu
    Juliana Medeiros
    umabonecamasnaodeporcelana.blogspot.com.br
    facebook.com/UmaBonecaMasNaoDePorcelana

    ResponderExcluir
  36. A vida é meio assim mesmo...
    Adorei o texto!
    Bjs

    achadosdamila

    ResponderExcluir
  37. Amei o texto serio, me identifico muito!
    e Ha vim pra retribuiir , um oootimo fim se semana pra ti fofa ><

    ResponderExcluir
  38. Você é muito talentosa, adoro suas palavras! :) ♥

    >> Visite o Blog <<
    - xoxo –

    ResponderExcluir
  39. Suzana!
    Nossa vidas são assim mesmo cheias de incongruências, dúvidas, medos, estamos sós ao lado de milhões, ao tempo que estamos rodeados dos que nos amam e estas são as pessoas mais importantes, saiba disso.

    Agradeço sempre sua visitinha ao blog e seu carinho no comentário, obrigada!
    Um final de semana maravilhoso!
    FELIZ NATAL!!
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!
    " A Melhor mensagem de Natal é aquela que sai em silêncio de nossos corações e aquece com ternura os corações daqueles que nos acompanham em nossa caminhada pela vida. (Desconhecido)".

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)