23 de julho de 2013


Você já se perguntou quanto tempo de vida você tem?

Até chegar aos 15, levei minha vida como se não existisse tempo. Ou como se ele fosse até ali. Eu acreditava que a minha mente e meus propósitos seriam sempre os mesmos dos 13/14 anos. Mas é claro que tudo mudou. E eu fiquei perdida. Já disse isso aqui no blog, que os 15 anos foram simbólicos para mim. Mas eles passaram. Faltam 14 dias para chegar nos 16. Passou tão rápido e eu percebi: no mesmo curto período de tempo que vivi, estarei nos 30.

Pode ser que, como tanto temi, me tornei egoísta. Como qualquer outra pessoa hoje em dia, precisei me virar para o meu universo. As horas rodando time lime, vendo tv e me preocupando com a decepção que vivi com outras pessoas tiveram que acabar. E aqueles amores platônicos, aquela vida à custa de escolhas óbvias entre aceitar ou não drogas e bebidas... Aquela rebeldia sem causa... Dá vontade de rir de tudo isso. Comecei a notar mesmo, gente morrendo de amor, "correndo atrás" de ser feliz, trabalhando pra comprar o que não tem, para ser o que não é...

Desde criança a gente sabe o que é ruim, o que faz mal. A gente sabe a dor do choro, o preço da birra. Que piorar não melhora nada. Então por que o subconsciente sempre se vira para o mal? A gente justifica o que faz colocando a culpa nas pessoas, na criação, no espaço, etc. Mas no fundo sabemos: quem errou fui eu e eu sabia das consequências. 

Não acredito tanto em acaso. 

Você sempre tem escolha. Até o lado da rua que você anda foi você quem escolheu. Assuma isso. E sem pensar mesmo, fique por aí. Só não culpe Deus depois. Até a morte já não me assusta tanto. Deve doer muito mais viver, sentir a saudade, sentir a vida. O fardo da vida é muito mais pesado. E só quem vive sabe do peso que leva. Por isso também procuro não julgar tanto, só aprender.

Enquanto viva, procurei saber o que realmente importa por aqui. Acabei vendo que viver é ter objetivos, e é também sentir: Abraçar forte, sorrir com careta, cantar gritando. Ser dedicado. Abrir o coração e pedir perdão, e ser grato pelo que sentem por você, ainda que você não saiba retribuir ou não seja o que gostaria.

Viver a vida como se fosse o ultimo dia não é pular de paraquedas, conhecer o mundo e fazer uma lista de como aproveita-la antes de morrer. Viver a vida como se fosse o ultimo dia é não fazer divida com ninguém. É aproveitar cada minuto para estar em paz consigo e com os outros. O coração acelerado não diminui o peso da frase que não foi dita, e do perdão não concedido.

Porque nós trabalhamos, nos divertimos, comemos, dormirmos. Mas fica sempre a dúvida: Para quê?

Li em um livro recentemente (A Arte da Guerra) que é necessário se fazer fraco perante os inimigos para que quando ele achar que você está derrotado, você o surpreenda. Refleti então, que hoje nós procuramos nos mostrar fortes demais. Fortes como não somos e todo mundo sabe disso. Vivemos demais por aparências e não suportamos os erros alheios como se fossemos perfeitos. Mas o que importa nessa vida é o que você faz pelo próximo, porque tudo volta pra você.

Crescer sozinho, diminui.

Agora, que já não me preocupo tanto com o amor que não veio, com a aparência que não tive e com o que esperava e me decepcionei, passei a aprender a valorizar o que tenho aqui comigo, o que não é muito, mas deve ser sempre suficiente. Claro que sinto falta de alguém pra ser manhosa e discutir sobre caetano, alguém positivo que goste de aconchego,  livros e palavras bonitas. Mas eu sinto falta de tanta coisa que o que fazer nessas horas é respirar fundo e antes de ir correr atrás, fazer por merecer. Tenho muito o que organizar aqui dentro.

E se não der tempo?
Nunca dá tempo.

O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

44 comentários:

  1. Acho que voce conseguiu enten der algo que eu, prester a completar 19, sempre tive dificuldades e assimilar. Seu texto foi lindo e eu realmente acredito que todos nós temos escolha, e é fato que colocamos a culpa nos outros quando ela é somente nossa. E viver intensamente é muito mais do que viver cada dia d eum jeito diferente, é viver dando valor a sua vida e tentando todos os dias se transformar em uma pessoa melhor, de todas as formas. Ah e parabéns adiantado.
    Beijos
    barradosno-baile.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adoreeei lindaa :D
    amo seu blog viuu? de verdade!

    Beeeijos

    http://princessjujube.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Por isso que temos que aproveitar a vida, cada minutinho! Adorei o texto, fala muitas verdades... E as pessoas vivem como se não fossem morrer um dia, mas vamos e será mais rápido do que esperamos, infelizmente! Beijão

    www.ficadicaby.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Que texto ótimo, Suzana, pude refletir!

    ResponderExcluir
  5. achei um pouco triste esse texto, mas infelizmente, é a mais pura verdade né!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Olá, indiquei seu blog para uma tag de incentivo à leitura lá no meu blog http://elaecrista.blogspot.com.br/2013/07/tag-incentivo-leitura.html

    ResponderExcluir
  7. Muito lindo seu texto, bem reflexivo e a cada dia fico feliz de ver tantos jovens como você se perguntando a que vieram a vida e procurando suas próprias respostas de um jeito maduro, consciente, valorizando a vida de uma forma saudável. Há tempo para tudo... e com certeza haverá um tempo dos encontros verdadeiros, amizades sinceras. Bjo.

    ResponderExcluir
  8. Aahhh... e obrigada por sua visita e a banda cover que indiquei é a Boyce Avenue com Locked Out of Heaven do Bruno Mars.

    ResponderExcluir
  9. Oii também acho que o que fazemos pelo próximo importa muito e que devemos levar em conta tudo, tentar viver da melhor maneira possível e não deixar o tempo passar à toa.
    Bjs, Bruna.
    http://moranguinhuemake.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. A vida passa sem perceber, quando vejo um post sobre 15 anos eu tenho que tocar que já se passaram três anos, minha melhor idade foi 16/17 quando fazia técnico, nossa fiz coisas detestáveis e aprendi tanto sobre o mundo que seria impossível, concordo com você nunca dá tempo de se viver tudo, e o tempo passa rápido demais.
    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Adorei o texto, você escrever muito bem!
    http://moda-hoje-em-dia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. cada dia é um presente e não um direito adiquirido! como diz a Pity não deixe nada pra depois! adorei o texto e concordo com vc! http://anavidadeestilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. É verdade... Quando crescemos percebemos que ser leve não é a coisa mais fácil do mundo. Ser leve é difícil e chegar até lá é doloroso. Viver é bom, mas tudo tem seu preço. Sinceramente, agora aos 18, a morte me assusta. Tenho medo de morrer pois não fiz nem metade do que quero poder fazer.
    Ninguém é culpado pelo que nos acontece além de nós mesmos, e sinceramente, tem vezes que eu acho que a culpa nem é nossa. Eu acho que tem vezes que as coisas acontecem, e você só tem que saber o melhor jeito de lidar com elas. Fazer birra realmente só piora as coisas. A verdade é que todos nós estamos no mesmo barco furado.
    "Crescer sozinho, diminui". Acho que entendi o que você quis passar, e realmente. Do que adianta tornar-se melhor e ninguém perceber isso? Também acredito que tudo que fazemos volta para nós mesmo. Mas só se for feito com o coração, sabe? Acho que ajudar alguém só pensando no que vai voltar, não dá certo.
    E nunca dá tempo mesmo. Mas acredite, dá para se organizar mesmo com essa falta de tempo. É só querer. Juro. É difícil manter-se bem. É difícil lembrar da saúde mental e da alma com o passar do tempo. Mas a verdade é que temos que dar prioridade a elas também. Alguém tem que tentar, né? Eu amei o texto, cada palavrinha. Só vi verdades. Beijo.

    Diva Pensante (perfil)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela interpretação e comentário Ana! Você entendeu perfeitamente :)

      Excluir
  14. O segredo é viver a vida como se não tivesse o amanhã. *-*

    http://leyahff.blogspot.com.br/

    Bjiinhuss Cariinhososs

    ResponderExcluir
  15. Eu tinha uma visão limitada da minha vida: sinceramente, não imaginava como seria a minha vida depois dos 17 anos, quando eu formasse o ensino médio. Mas a vida passa e a gente vai aprendendo a fazer planos pra agora, pra depois e a lidar com o que ficou pra trás. Hoje em dia, me importo mais em sentir, e viver o que eu sinto. Como você disse, a vida é feita de escolhas. E nada como dormir acreditando que fez o melhor que poderia fazer né?

    kacomk.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Parabéns, flor! Sua crônica ficou perfeita!
    Realmente a vida é muito curta e nada melhor do que vivê-la como se fosse o último dia. ;]

    ResponderExcluir
  17. Até chegar os 30 vai te rum tempinho ainda rs
    eu estou mais perto que vc kkk

    Lindo texto

    Beijinhos
    Desi
    http://crochedadesi.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Que lindo o texto! *-*
    Nem fala em passar o tempo, estou com 23 e já to nessas de "estou quase nos 30" HAHAHA
    bjs
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Suzana,
    Acredite que quanto mais vc amadurecer, mais a sua cabeça irá mudar e você passará enxergar o mundo de forma diferente. Apenas aproveite essa fase boa da adolescência sem se apegar a vícios.
    Big Beijos
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  20. Menina vc escreve muito bem mesmo ;)
    Um bjo
    http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. A vida nos dá grandes lições e o maior aprendizado é a relatividade do tempo, que pode parecer tão longo e tão curto a pouco tempo.

    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  22. "E se não der tempo?
    Nunca dá tempo..."

    Acho que essa é o grande X das nossas vidas. Essa coisa de tempo, e o fazemos (ou não) com ele. É uma coisa que passa tão rápido... e fico feliz que vc pense dessa forma, já enxergue isso desde cedo. Ah, seu eu soubesse tudo oq sei hoje com meu 15, 16 anos... teria sugado tudo o que podia da vida... Não podemos deixar ele passar assim, afinal de contas o tempo não volta atras.

    ~~

    fairieswboots.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. eu simplesmente adorei o seu texto!!!

    Super beijo!

    http://duploponto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. É, os 16 chegam rápido e pensei a mesma coisa quando eles chegaram pra mim rs
    Gatinha estou atualizando o canal do youtube com vídeos, visite e se gostar se inscreva. Beijinhos.
    Canal: https://www.youtube.com/user/isabelyrogrigues
    Blog: http://fasesdegarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Adorei seu texto, e já pensei muito assim! Mas é isso mesmo, temos que viver o hoje, apesar de estar sempre planejando o amanhã, mas viver com harmonia...

    beijos :)

    ResponderExcluir
  26. De tudo que você falou ai o que eu mais me identifiquei foi com "Não acredito tanto em acaso" eu também sou assim, não acredito! Nada é por acaso tudo é uma consequência de nossas escolhas!
    - Little Misaki(clica)
    - Ask
    - Facebook

    Beijos!
    Bella Armstrong;

    ResponderExcluir
  27. olá flor, aqui vai uma tag pra descontrair um pouco o blog :D
    http://www.ficadicaby.blogspot.com.br/2013/07/tag-volta-as-aulas.html

    beijinhos

    ResponderExcluir
  28. Perai, você faz aniversário quando? Acho que você faz aniversário no mesmo dia que eu. Enfim, realmente o tempo passa rápido depois que você faz 15 anos, me falavam isso e eu não acreditava. Só sei que meus 15 anos foram muito difíceis por causa do colégio que eu estudei e tal mas, agora to tentando mudar tudo e voltar a ser como antes. Adorei o texto!

    xx,
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é fazemos no mesmo dia Thami kkkk 05 de agosto :D

      Excluir
  29. Concordo com vc! Já parei pra pensar nisso!
    "Até chegar aos 15, levei minha vida como se não existisse tempo. Ou como se ele fosse até ali."
    Pura verdade!
    bjss

    Trash Rock

    ResponderExcluir
  30. É uma pergunta interessante, o texto relata bem o que você sente. Tem gente que tem uma vida boa e não sabe ' aproveitar'' do jeito certo enquanto otros sofre em um leito com sonho de ter mais alguns anos de vida.
    ★http://simpleseagradavel.blogspot.com.br/
    ★http://www.facebook.com/SimplesAgradavelBlog

    ResponderExcluir
  31. Muito bom o texto!
    ótimo para refletir! Bjs!
    www.mahmaquiagens.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  32. Haha! Gostei de ver menina! =D

    Seu texto abordou muitos pontos que gostei muito como a parte que fala que até o lado da rua que andamos foi uma escolha nossa, acho que as pessoas procuram muito mais uma desculpa do que coragem pra resolver. Acho que gostei de saber que você está bem e sempre cuidando de seus passos e sua cabeça está bem guiada, apesar de que venhamos e convenhamos, vira e mexe voltamos a cometer deslizes quanto ao nosso agir, mas espero que você fique firme e aguente a pegada, mas lembre-se que ajuda sempre é bem-vinda, pois como você disse o fardo da vida é pesado demais pra ficar sozinho, logo tenha bons camaradas ao seus lado pra cada um pegar numa ponta, que seja, pra ajudar a ir em frente! ;P

    Bom texto Suzana, bom de ler, bom pra pensar,um abraço pra você e até mais! =D

    PedrodeAmolar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Pedro *-* Sempre complementando meus textos rs

      Excluir
  33. Que lindo. que crescida. Amei como sempre. vc tem um dom... Use sempre...

    ResponderExcluir
  34. Que texto lindo, você tem muito talento <3

    Beijos!
    www.alittlerockalittleroll.com

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)