1 de dezembro de 2012


Olhei para o mural, peguei os cadernos velhos, vi as fotos antigas, os textos de amor... Me joguei na cama, pensando. Sozinha. Abri a gaveta, tirei aquela caixa velha e me alimentei do que parecia perdido. Li cada carta, desta vez não derramei uma lágrima. Nada ali era aproveitável para se ver todos os dias, pois tudo apertava demais o coração.

No momento, vi que a vida parece se fazer de lembranças. Mas por que o AGORA nunca é tão lindo quanto o agora a pouco? Por que as coisas passam, e tão rápido? Tive que tomar uma decisão entre acreditar se tudo foi ou não realmente sincero. E escolhi acreditar que pelo menos para mim tudo ali guardado foi. De raiva perdi uma parte daquilo, rasguei, joguei fora... Mas o que ficou ali, o que está ali... Foi forte o suficiente para ficar.

Palavras. Tudo que dou valor não é mais palpável, tudo que mais amei se foi, nunca voltará. Pessoas, coisas, sonhos... Se eu pudesse escutar aquelas palavras ditas, mas o que tenho em mãos já não é tão intenso. São apenas folhas de papel, que um dia talvez se percam, envelheçam... E quanto mais penso nisso, mais valor dou, por incrível que pareça, para coisas que me afligem o coração.

Olhei para a cabeceira da cama, e ali tinha mais coisas esquecidas entre os livros e cadernos de anotação. Aquelas eram mais recentes. Me perguntei por que eu crio coisas que sei que se passarão. Eu vivo disso, por acaso? Mais uma vez, era hora de guardar. Mais uma vez, vivi e agora só relembrava. Mais algumas folhas para aumentar a coleção de preciosidades. Acho que eu nunca aprendo mesmo. Mas que me importa agora?

Assim escolhi escrever minha história, com folhas e mais folhas de tudo que desejei ser para sempre. Com cada momento que desejei parar o tempo. Por um instante me odiei por ser assim. Tão melancólica, tão ingênua... E principalmente... fraca. Não joguei fora. Guardei. E dia após dia um minuto vivo minha felicidade junto de cicatrizes e marcas que apenas aprendi a conviver com elas no peito...

Não sou alegre, não sou triste. Acho que apenas sou... tudo que vive em minha mente.

Suzana
O que achou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias:

52 comentários:

  1. Isso aconteceu comigo também está semana. Me peguei viajando nas lembranças.

    Querido Diário: blogdapaulla.blogspot.com.br
    Doce Liberdade: doceliberdadeblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Adoreeeeeei a última frase. MEU DEUS!
    Somos. *-*

    Beijo,
    www.estanteseletiva.com

    ResponderExcluir
  3. Ownt!Q texto lindo!!!Amei!Seguindo aqui coração;Retribui?Bom fds.E parabéns pelo blog.Mto fofo!
    http://revistaadolescenteevangelica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá flor.Obrigada pela visita.Me deixaste mto feliz.O seu blog tbm é mto bom.Vou dizer com sinceridade pra vc:É lindo!Amei.Voltarei assim q puder.Não deixe de me visitar.Bom final de ano pra vc.Te espero mais vezes lá.Já estou seguindo."_Se vc ainda ñ estiver seguindo o mue.Farai isso se for possível.Bem é isso.Bom fds princesa!*_*
    http://revistaadolescenteevangelica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Amei seu texto, Suzana! Você escreve muito bem. Acho que essas preciosidades que a gente guarda servem pra aprendermos a crescer, a saber que certas coisas vêm para que possamos enxergar e fazer sempre o melhor. Gosto de saber que tenho algumas caixas guardadas, pois são aprendizagens.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Nahim que lindoo o texto. Realmente temos que guardar pois mesmo que passe, fez parte da nossa vida. Adoreii mesmo. Bom final de semana para ti.Beijos!
    Paloma Viricio-Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  7. Que texto encantador, Suzana, todo mundo é um pouco do que você escreveu aqui neste post... beijos.

    ResponderExcluir
  8. Belo texto, você escreve super bem.
    Beijão <3

    P.S: Também, sou eu, nem triste nem alegre.

    ResponderExcluir
  9. Você escreve muito bem, adorei o seu texto.

    http://marymicucci.com

    ResponderExcluir
  10. "E dia após dia um minuto vivo minha felicidade junto de cicatrizes e marcas que apenas aprendi a conviver com elas no peito..." lindo, me identifiquei muito!

    ResponderExcluir
  11. Os seus textos estão cada vez mais bem desenvolvidos, lindos com palavras na qual são bem usadas. Amei, são baseadas assim, tipo em fatos reais? rsrs

    Sweet Teen

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, 99,9 % dos meus textos são fatos reais , minha vida >.<

      Excluir
  12. Não, talvez você seja forte e que seja fraca por jogar tudo fora e tentar apagar as lembranças, mesmo que seja apenas fisicamente.

    http://osonhodeumaflauta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá, gostei muito do seu blog, ele é simplesmente maravilhoso.

    X-Tudo Confissões

    ResponderExcluir
  14. Sinceramente eu prefiro não guardar... Melhor rasgar e jogar fora!
    Não vejo sentido em guardar coisas que nos fazem sofrer...
    Eu sou muito sentimental, só alguém falar e algo que eu acreditava estar morto e enterrado, vem à tona! Odeio ser assim...

    Ah, eu acho que tem diferença na manteiga sim...rs Pelo menos os batons de manteiga que eu usei eram bem duros e deixavam os lábios bem brancos...

    Obrigada pelo comentário!

    Post novo, gosto de te ver por lá...
    http://livrosebatons.blogspot.com.br/
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. nossa eu nem sei o que dizer de seu texto, por que quando eu olho as minhas coisas do passado eu me sinto igual, as vezes ate da vontade de chorar por que tipo "era tao legal, passou muito rapido, queria ter vivido e aproveitado mais" mas o tempo passa e nao podemos chorar pelo leite derramado devemos apenas aproveitar o agora pois o amanha nao se sabe.

    adorei o texto escreve muito bem suzana.

    visite la se quiser blognew-girl.blogspot.com (visita la para as 22:00 de hoje 01/02 por que eu ainda estou postando)

    ResponderExcluir
  16. Adorei o texto! Beijos!

    http://dreamsofagirl-blog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Adorei o texto! Beijos!

    http://dreamsofagirl-blog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Nossa! Quando eu pego desenhos ou textos que eu fiz há 5 anos atraz é como se passase um filme na minha cabeça e lembro o quando o passado era bom e eu só vivia reclamando. Lindo texto!

    Anjo adorei seu blog e estou seguindo!

    Vai lá conhecer meu blog quando puder!

    http://www.aerafeminina.com

    Bjos!

    ResponderExcluir
  19. adorei o texto(como sempre)
    http://vcmaisfashion.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Meu Deus como eu gosto de vir aqui ler os seus textos tu escreve super bem eu ameeeeeei esse post! #lindodemais
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. O seu texto ta lindo passa muito bem o que sentiu... Eu tbm guardo muitas cartas acho q faz parte da nossa historia e poderemos ler quando formos mais velhas! beijocas!

    ResponderExcluir
  22. essas cartas são suas?
    fiquei com aquela impressão de que escrevia para si mesma...
    ~b l o g~ • • • FanpageTwitterGoogle+

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, na verdade escrevo muito para mim, mas também tem cartas que ganhei =]

      Excluir
  23. Suzana lindo texto, no começo dele lembrei de mim que às vezes abro meu diário de 10 anos atrás e vejo quanto mudei, quantas coisas que antes chorava, agora me alimentam, enfim, adorei seu texto!

    ResponderExcluir
  24. Concordo com a Mary, eu sempre que arrumo meu armário, me deparo com anotações minhas e acabo as relendo. Acho isso uma das melhores coisas quando arrumamos o armário. Acabamos achando várias coisas e por isso que é bom escrever e guardar, trazem boas e más lembranças, mas trazem o sentimento de foi vivido naquele tempo ^^

    Uprising Teen

    ResponderExcluir
  25. Que texto lindo, bem inspirador!
    www.portalft.com

    ResponderExcluir
  26. Acho que sentir isso não é ser fraca, não é ser ingenua, muito menos melancólica... Acho que sentir essa saudades do que já foi significa que você já foi feliz o bastante para que no fundo deseje viver tudo de novo. Eu sou dessas sabe, que guarda tudo e depois de um tempo ficar relembrando, ainda mais quando me da crises de solidão, aonde eu soco na minha cabeça que ninguém me ama e que to sozinha no mundo.

    Também não entendo porque o agora, nunca é tão lindo quanto o agora a pouco. Acho que deve ser um daqueles defeitos de fabrica que todo mundo tem sabe? HEHE Acho que o negocio é aproveitar todos os momentos como e fosse o ultimo, porque se forem, pelo menos você vai lembrar de TUDO .-.

    AMEI ESSE TEXTO! Ultimamente teus textos tem me chamado muito atenção, na boa! Parabéns, continue escrevendo assim *o*

    http://rascunhosdasuuka.com

    ResponderExcluir
  27. Me pego lendo coisas antigas, realmente me da raiva e rasgo, com a intenção de apagar o passado, enquanto estamos vivendo queremos irremediavelmente torna-las eternas, e o que me faz questionar porque de uma hora pra outra eu mudo de opinião o que ontem era tão inestimável, hoje é tão facilmente descartável. Lindo texto Suh!

    ResponderExcluir
  28. Algumas coisas tem que ficar guardadas na nossa memoria e em nosso coração.
    Lindo texto.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  29. lindo texto =) boa semana post novo xoxo http://fastfashionpink.blogspot.com.br/2012/12/today-outfit.html

    ResponderExcluir
  30. Amei o seu texto, as vezes a gente acha uns textos antigos, ou algumas coisas que nos faz pensar né. Adorei
    bjinhos
    conversando-com-a-lua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  31. Me identifiquei bastante com seu texto, gostei mt dele !

    naidadeteen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Teu texto me soou muito familiar, como se tivesse sido escrito para mim (quanta pretensão) haha. ;D
    Também tenho uma caixa velha onde guardo recordações, e todas as vezes que a abro, vejo pequenas cenas se desenrolarem na minha mente, cenas muitas vezes melancólicas porque até mesmo lendo sobre momentos felizes, eles já se esvaíram e tudo o que posso fazer é os relembrar. Muitas vezes tenho que me lembrar que a vida não são apenas memórias e recordações. rsrsr
    Muito bom o teu texto! beijos

    ResponderExcluir
  33. CONRCODO, também não sou alegre e nem triste apenas danço conforme a música ou seja se o ''DJ'' soltar um Adele, eu fico chato lento e não fico de humor bom, mas se for outras musica eu me animo. Nuss acho que vc enem entendeu né? kkkkkkkkkkk

    jovenclube(.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
  34. Lembrei de uma frase do Chaplin:
    Nada é para sempre, nem os problemas são...

    ResponderExcluir
  35. É verdade, é sempre bom renovar! gostei flor, adoro o jeito com que vc escreve.

    ianapaulinhaaaa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. Nossa, que texto incrivel. Parabéns!
    beijo beeeijo

    http://lladodedentro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Adorei o texto, muitas partes me lembraram do inicio da minha adolescência, 13, 14 anos *-* rsrs.. deixei meu G+1 <3 beijão, ótima semana amiga.

    ResponderExcluir
  38. Adorei o texto Suzana, eu adoro ler cartas antigas, assuntos aleatórios que eu escrevo, porque depois de um tempo percebo o quanto amadureci e superei os problemas!

    modasdacarol.com

    ResponderExcluir
  39. ótimo texto, su!
    me lembrei que esses dias tava arrumando meu quarto e encontrei cartas do colegial. bons tempos haha

    Beijos!
    Nathália • Fashion Jacket

    ResponderExcluir
  40. Adorei :D
    O complicado hoje em dia é sermos nos mesmos 24 horas né?! Tem situações, pessoas, momentos diferentes que nos mostram como ser a cada dia!!!
    Tenha uma ótima semana ^^
    Beijos

    lolaporlola.blogspot.com

    Instagram: stephanieparizi

    ResponderExcluir
  41. Adorei querida, parabéns pelo texto ♥
    Beijo/DDC♥

    ResponderExcluir
  42. Que lindo seu texto, você escreve muito bem.
    Assim, as lembranças parecem mesmo que são mais bonitas, sei lá, as vezes vivemos delas, e é muito estranho isto.. Enfim.. Todo o texto: lindo <3 Sucesso.
    http://www.senhoritaliberdade.com/

    ResponderExcluir
  43. Tenho uma caixa com cartas antigas, e nossa me trazem cada lembrança.
    Mas acho o que tem mais graça pra mim são as coisas novas, contando com as lembranças do meu namoro.

    @wendyelmb
    http://tecido-doce.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  44. tb guardo coisas. mas só do que quero lembrar e que não me fazem chorar :)


    Beeeijooos e ótima semana!

    re-becah.blogspot.com.br

    www.youtube.com/user/blogdareh/featured

    ResponderExcluir
  45. é sempre bom reler tudo isso depois de um tempo. Amei o blog. Falar nisso, voltei com o meu blog hoje, faz uma visitinha? http://byentrelinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  46. Perfeito, belíssimo texto Suzana... de vez em qdo ainda abro algumas caixas q me transportam no tempo, mas cada vez q abro sinto emoções diferentes da primeira vez, porque sei q tbm já não sou a mesma que guardou a caixa.
    beijos

    ResponderExcluir
  47. vocês são demais :,) Obrigada pessoal <3

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, será muito bem vinda!

Caso tenha alguma duvida, pergunte, e volte no post que logo será respondido.

Os comentários não aparecem aqui assim que você comenta, todos os comentários são moderados, e podem demorar um pouco para aparecem na página.

ATENÇÃO BLOGUEIROS: Evite spam, não deixe mais de um link na sua postagem, ao contrário ela não será aceita. Eu retribuo COMENTÁRIOS DECENTES. :)